Category Archives: outros

Pausa no blog!

Galera, nós da equipe do CQC Brazil, resolvemos dar um tempo com as atualizações aqui no blog e no twitter por motivos pessoais. Não será por muito tempo, logo logo estaremos de volta para continuar mantendo os CQCísticos muito bem atualizados sobre tudo o que rola com o programa e  os integrantes do CQC.

Essa breve pausa servirá para  dar uma melhorada na nossa página  e preparar surpresas e conteúdos relevantes para os nossos leitores e seguidores.
Contamos com a colaboração de vocês. E qualquer sugestão será MUITO bem vinda.

Voltamos em breve!
enquanto isso…

CQC, toda segunda-feira 22h15 na Band ;-)

Hoje: último dia de gravação do DVD “Volume I” do Danilo Gentili em São Paulo

O solo de Stand Up Comedy “Volume 1” já esteve em cartaz durante quatro temporadas, onde Danilo Gentili levou cerca de 300 mil pessoas aos teatros e casas de eventos por todo o Brasil. Agora – depois de gravar seu primeiro DVD em Brasília, com o show especial “Politicamente Incorreto” -, o humorista resolveu selar com chave de ouro a última temporada do “Volume 1“, gravando seu 2º DVD de comédia, no bar Comedians na Rua Augusta em São Paulo.

A gravação teve início nesta segunda-feira, mas terá continuidade esta noite. As senhas para a gravação, serão distribuídas á partir das 18h. Os ingressos saem por 30 reais cada, e não serão vendidos antecipadamente.

Serviços:
Gravação do DVD “Volume 1 – Danilo Gentili”
Local – Comedians Club
Endereço – Rua Augusta, 1.129 – São Paulo
Horário – SHOW 21H // Senhas distribuídas 18h
+ informações –  (11) 2615.1129 http://www.comedians.com.br/

Feliz aniversário Oscar Filho!

Dia 22 de agosto de 1978, em Atibaia – SP, nascia Oscar Francisco de Moraes Júnior, aquele que aos cinco anos de idade, fez uma fogueira no carpete do quarto porque estava com frio. Seu amor por gatos se revelou aos seis anos de idade, quando Oscar quebrou a parede da sala pro gato poder entrar à noite. Até aí, uma criança normal – dependendo do que você considera normal – Aos 7 anos enfrentou seus pais: “Se não me deixarem ir pra escola sozinho, eu nunca mais irei”. Deixaram e ele errou o caminho. Teve que voltar.

Quando Oscar estava entrando na adolescência, aos 13 anos, começou a fazer teatro, e aos 17 produziu sua primeira peça ‘Desculpem, acho que entrei na peça errada‘, onde ele diz que foi um sucesso…entre os fantasmas.
Aos 18 entrou para a ‘Oficina dos Menetréis’ e aos 19  anos ganhou o primeiro lugar de um concurso de contos em Atibaia com o conto ‘O Baú’ (leia aqui). Depois disso, acabaram com o concurso por “falta de qualidade”.

Aos 22 decidiu ir para São Paulo estudar no Indac, curso profissionalizante de atores onde ficou estudando por 3 anos até se formar. Está devendo parcelas do curso até hoje. Quando completou 25 anos, fundou um grupo de humor chamado ‘Os Cretinos‘, nada engraçado. Aos 26 foi indicado como melhor ator para o prêmio FEMSA de 2004. Pelo menos ele alega que os responsáveis pelo prêmio não estavam no seu juízo normal, claro.

Em 2008, a Band surtou e contratou Oscar Filho para tapar o buraco do CQC, já que estava faltando um repórter. Desde então, vem apanhando, fazendo matérias em lançamentos de Playboys, e tentando falar inglês com astros de Hollywood – ele adora. – Na mesma época, aos 29  anos, Oscar estreou seu espetáculo de Stand Up Comedy ‘Putz Grill’, e levou mais de 100 mil  espectadores aos teatros em todo o território nacional. Ele acha que seu pai está orgulhoso.

FELIZ ANIVERSÁRIO OSCAR FILHO!

CQC True Story – Oscar Filho

Homenagem – CQC Brazil

Danilo Gentili não sairá do CQC

Os rumores de que Gentili iria deixar o CQC para dar conta do seu mais novo programa Agora é Tarde, foi desmentido pelo humorista ao portal O Fuxico nesta segunda-feira. “Tenho feito as matérias do CQC, obviamente que com menos intensidade do que eu fazia. O Agora É Tarde não é um programa que simplesmente chego e apresento.”, explica. “Este é um programa que não vou só de quarta e quinta para apresentar. Estou lendo roteiro, fazendo piada, de madrugada me reúno com o Léo Lins, então me envolvo com a criação do programa também”.

Danilo desde o começo do ano deixou claro que não pretende deixar o CQC, mas sim, fazer matérias com menos frequência do que antes, para poder se dedicar ao processo de criação e apresentação do Agora é Tarde.

The New York Times na cola de Rafinha Bastos

Além de ser nomeado, em março, pelo The New York Times, a personalidade mais influente do mundo no twitter, Rafinha Bastos também ganhará uma matéria de duas páginas, que sairá neste domingo, dia 7.

Há trechos da reportagem já disponíveis (clique aqui), onde Rafinha é chamado de: “irrevente, destemido e durão”.

O jornalista, autor da matéria, Larry Rohter, mencionou as polêmicas que envolvem as piadas ácidas de Rafinha Bastos e a “nova safra de comediantes.”

Marcelo Tas virou obra literária

De uma entrevista surge um livro. Essa é a proposta da obra “É rindo que se aprende: Uma entrevista a Gilberto Dimenstein”.

Gilberto Dimenstein é, na atualidade, um dos jornalistas brasileiros de maior renome internacional. Ganhou os principais prêmios destinados a jornalistas e escritores, como o Prêmio Nacional de direitos Humanos e o Prêmio Criança e Paz do Unicef.

Nas lojas a partir do dia 10/08, o livro esquadrinha as facetas do engenheiro, jornalista, apresentador, escritor, diretor, ator, pai e extraterrestre: Marcelo Tas. Como o próprio nome do livro sugere, o jornalistaGilberto Dimenstein descreve o que você, leitor encontrará nas páginas desta obra:

“Você vai encontrar Marcelo Tas metido nas mais diferentes atividades ligadas à arte de expressar, na maioria das vezes levando o humor e a irreverência para diferentes canais, como televisão, rádio, jornal e internet. Ou simplesmente em cima de um palco. Nessa mistura multimeios, ele exerce múltiplos papéis: jornalista, ator, documentarista, apresentador, desenvolvedor de software…Durante a conversa que serviu de base para este livro, ele foi montando o quebra-cabeça de sua história para revelar como o prazer de aprender orientou sua vida e quais foram os personagens que o influenciaram nesse aprendizado. Assim, entre tantas experiências e atividades diferentes que viveu, o foco aqui é mostrar como Marcelo Tas está na vanguarda de um campo novo: a mistura da comunicação com a educação.O livro vai agradar a quem gosta de experiências ligadas à comunicação. Mas também àqueles que se interessam por usar a comunicação para educar. E vai agradar especialmente a quem gosta de ouvir histórias sobre o encanto de aprender. Este livro é, em síntese, uma aula de como se ensina e se aprende rindo.”

Junto com o livro virá um DVD com o making off da entrevista, logo abaixo um trecho do vem por aí.

(via Rede do Tas)

“Meu pai era chamado toda semana na diretoria”, diz Gentili sobre a época da escola

Danilo Gentili é capa da revista jovem “Kzuka” e mostra que, por trás do humor suicida, é um garoto do interior aparentemente doce e cheio de atitude. O repórter do “CQC” falou sobre o limite do humor e as polêmicas de seus comentários no Twitter, que já geraram muitas discussões.
“O limite é o público. Quando escrevo uma piada, escrevo para o público rir. Acontece que todas as piadas que deram errado são piadas que fiz no Twitter. No meu show, só está pagando para me assistir quem quer me ouvir, quem gosta da minha piada e quem sabe quem eu sou. Mas no Twitter, quando você tem 1,5 milhão de seguidores, pode ter lá uns 500 mil que jamais pagariam para ver um show meu, que não entendem piada, e que estão lá só para encher o saco. Eu não estou fazendo piada para eles”, diz.

Na entrevista, Gentili lembra os tempos de colégio. “Era terrível de comportamento. Meu pai era chamado toda semana na diretoria. Em relação às notas era de médio para cima. Em algumas matérias conseguia o necessário e em outras eu ia muito bem. Tipo História, Redação eu ia muito bem. Mas matemática, sou semianalfabeto”, conta.

(O Dia Online)